Conselheira Yara Lins é eleita a primeira mulher a presidir o TCE, no Amazonas

0

Em sessão extraordinária, convocada pelo atual presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), Ari Moutinho Júnior, a conselheira Yara Amazônia Lins Rodrigues dos Santos, 60, foi eleita, por unanimidade, para presidir o TCE-AM no biênio 2018-2019.  O vice-presidente eleito foi o conselheiro Mario de Mello. A posse dos dois conselheiros, que comandarão o TCE-AM nos próximos dois anos será no dia 18 de dezembro, no Teatro Amazonas.

Na mesma eleição, o colegiado reelegeu o conselheiro Julio Cabral como Corregedor-Geral do TCE e elegeu o conselheiro Érico Desterro como Ouvidor-Geral. O conselheiro Ari Moutinho Júnior — que deixa a presidência no próximo mês — foi eleito também, por unanimidade, para a coordenação-geral da Escola de Contas Públicas do TCE para os próximos 2 anos, no lugar do conselheiro Josué Cláudio de Souza Filho.

Primeira mulher a presidir a Corte de Contas do Amazonas em 67 anos de existência, Yara Lins do Santos é funcionária pública de carreira e presta serviços ao Tribunal há 42 anos, onde entrou por concurso público. Oriunda da Auditoria do TCE, ela ingressou no colegiado como conselheira em junho de 2014.

A eleição aconteceu depois de duas sessões: a especial com as contas de 2016 do prefeito Arthur Neto e da 40ª sessão ordinária do Pleno. Após a eleição direta, os conselheiros parabenizaram os eleitos. Para o conselheiro Ari Moutinho Júnior, que contou com o apoio da conselheira Yara Lins dos Santos como vice-presidente em sua gestão, a nova presidente irá fazer um ótimo trabalho à frente do TCE, levando-se em consideração o seu vasto conhecimento do Tribunal Contas, sem falar de sua postura sempre equilibrada e perspicaz.

Feliz com o resultado da eleição, a futura presidente agradeceu a confiança depositada pelo colegiado e disse que vai se esforçar para corresponder às expectativas. Segundo ela, além de dar continuidade no bom trabalho realizado pelos presidentes anteriores, ela vai fazer uma administração voltada para as pessoas, sem esquecer de fortalecer o controle externo e o lado pedagógico do TCE, por meio da Escola de Contas Públicas. A eleição foi acompanhada pelos familiares e amigos da conselheira.

Colar do Mérito

Após a eleição, o conselheiro-presidente do TCE,  Ari Moutinho Júnior, entregou aos conselheiros a Medalha do Colar do Mérito de Contas, que passa a integrar a indumentária colegiado durantes as solenidades do Tribunal de Contas .

Novo auditor assume cargo

Ainda na manhã desta terça-feira (21), foi empossado o novo auditor do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), Luiz Henrique Pereira Mendes. A cerimônia ocorreu minutos antes do início do julgamento das contas da Prefeitura de Manaus. O novo auditor assinou, na última sexta-feira (17), sua posse do cargo na sede do TCE e recebeu as boas-vindas do procurador-geral do MP de Contas, Carlos Alberto Souza de Almeida.

Formado em Ciências Contábeis pela  Universidade Presidente Antônio Carlos, em Minas Gerais, e com pós-graduação em Educação Matemática pela Universidade Federal de Juiz de Fora, Luiz Henrique foi um dos dois aprovados para o cargo de auditor público no último concurso realizado 2015.

Em seus agradecimentos, o auditor Luiz Henrique afirmou que vai trabalhar com toda a dedicação de modo a não frustrar a Corte de Contas e a sociedade. Agradeceu ainda a recepção que ocorreu na sexta-feira. “Quero registrar o sucesso, mais um ato de sucesso, dessa Corte que foi o concurso de provas e títulos para auditor, foi objeto do edital 01/2015, o qual ganhei êxito.”, disse o auditor.

Assessoria de comunicação do TCE-AM.

Compartilhar

About Author