Após representação do MPC-AM, Tribunal aprova inspeção extraordinária em sistema de Administração Financeira Integrada do Estado (AFI)

0

Em uma representação ingressada pelo Ministério Público de Contas (MPC-AM), o Tribunal de Contas do Estado aprovou a realização de uma inspeção extraordinária no Sistema de Administração Financeira Integrada do Estado (sistema AFI) gerido pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).

A inspeção foi sugerida ao Tribunal pelo auditor Alípio Firmo, em uma exposição de motivos, que teve como base uma Nota Técnica emitida pela Controladoria-Geral da União (CGU) apensa a representação do MPC-AM.

Na nota técnica, a CGU aponta, entre outros, a não confidenciabilidade do sistema e o uso de R$ 88 milhões em recursos federais repassados ao Estado do Amazonas via Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) destinadas à Educação irregularmente na Saúde.

Núcleo de Mídia do MPC-AM.

Compartilhar

About Author